Lágrimas

Tem dias que as lágrimas insistem, você até se esforça para elas não chegarem, finge que não é com você. Mas de repente você está lá – dirigindo, comendo, fumando, tomando banho, trabalhando, rindo de uma piada – mas, mesmo assim, ela vem. Lubrifica seus olhos sem você querer, a garganta trava, a voz não sai. Ela brota, mesmo que você não regue. Simplesmente vem, mesmo que você não queira lembrar por quê.

Ouvindo: “Los Hermanos – Retrato pra Iaiá”

Anúncios

3 comentários sobre “Lágrimas

  1. É realmente tem dia que estamos assim, com uma vontade imensa de chorar e nem sabemos o motivo…
    Sentimos aquele nó na garganta, e qualquer coisinha que as pessoas falam já é motivo para nos ofender, só depois de chorarmos bastante alivia, não tem jeito. Essa é a verdade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s